Reflexão

Sabedoria ou sapiência (em grego Σοφία, “sofía”) é o que detém o “sábio” (em grego σοφός, “sophos”). Desta palavra derivam várias outras, como por exemplo, φιλοσοφία -“amor à sabedoria” (filos/sofia).

Há também o termo “Phronesis” – usado por Aristóteles na obra Ética a Nicômaco para descrever a “sabedoria prática”, ou a habilidade para agir de maneira acertada”.

É um conceito diferente de “inteligência” ou de “esperteza“.

Mesmo para “sophia” há conceitos diferentes: muitos fazem distinção entre a “sabedoria humana” e a “sabedoria divina” (teosofia).

Sabedoria humana seria a capacidade que ajuda o homem a identificar seus erros e os da sociedade e corrigi-los. Sabedoria divina será provavelmente a capacidade de aprofundar os conhecimentos humanos e elaborar as versões do Divino e questões semelhantes.

Mas para nós cristãos sabedoria é:

“O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria; revelam prudência todos os que o praticam. O seu louvor permanece para sempre.” (Sl 111. 10)

 clique aqui e receba nosso Boletim Eletrônico 

 Curta nossa Página no Facebook